O AZEITE E OS BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE

Entre os produtos agro-alimentares da tradição portuguesa, o azeite desempenha um papel muito importante na nutrição. Sempre foi considerado uma panaceia pelas suas incríveis propriedades nutricionais e, por esse motivo, representou durante séculos o principal protagonista da dieta mediterrânica.

O azeite é utilizado principalmente para temperar saladas, aromatizar vários alimentos, conservar vegetais e também para fritar. O uso de azeite é recomendado devido às suas propriedades características, como a baixa acidez, a presença de triglicerídeos e a riqueza de ácidos gordos monoinsaturados. Tem propriedades benéficas graças à presença de polifenóis, antioxidantes naturais que tornam o azeite Virgem Extra único - é considerado a gordura mais saudável, sendo 100% natural.
O sabor e a leveza do azeite caracterizam a culinária mediterrânica em todo o mundo e,por isso, onde quer que eles estejam, os portugueses procuram sempre este toque único e inimitável.

OLIVE OIL AND HEALTH BENEFITS

Among the agri-food products of the Portuguese tradition, olive oil plays a major role in nutrition. It has always been considered a panacea for its nutritional properties and, for this reason, a main protagonist of the Mediterranean diet.
Olive oil is mainly used in its varieties Traditional (maximum acidity: 1%) and Extra Virgin (maximum acidity: 0.5%), to flavor several food dishes, green salads, vegetables and also for frying.
The use of olive oil is recommended due to its characteristic properties, such as low acidity, the presence of triglycerides and the richness of monounsaturated fatty acids. Olive Oil has  beneficial properties thanks to the presence of polyphenols, natural antioxidants that make olive oil Extra Virgin Unique - is considered the healthiest fat, being 100% natural.
The flavor and the lightness of the olive oil characterize the Mediterranean cuisine throughout the world and, so wherever they may be, the Portuguese always seek this inimitable and unique touch.

Algumas doenças contra as quais o azeite se tem revelado eficaz 

some diseases olive oil has been

found to be effective

CANCRO

O fitonutriente do azeite, o oleocantal, mimetiza o efeito do ibuprofeno na redução da inflamação, o que pode diminuir o risco de cancro de mama e da sua recorrência. O esqualeno e os lignanos estão entre os outros componentes do azeite que  estão a ser estudados pelos seus possíveis efeitos sobre o cancro.

CANcer

Olive oil phytonutrient, oleocanthal, mimics the effect of ibuprofen in reducing inflammation, which may decrease the risk of breast cancer and its recurrence. Squalene and lignans are among the other components of olive oil that are being studied for their possible effects on cancer.

doenças cardíaca

O azeite reduz os níveis de colesterol total no sangue, colesterol LDL e triglicerídeos. Ao mesmo tempo, não altera os níveis de HDL-colesterol (e pode até aumentá-los), o que desempenha um papel protetor e impede a formação de manchas gordurosas, estimulando assim a eliminação das lipoproteínas de baixa densidade.

heart disease

Olive oil lowers total blood cholesterol, LDL cholesterol and triglyceride levels. At the same time, it does not change theHDL cholesterol levels (and may even increase them), which plays a protective role and prevents the formation offat spots, thus stimulating the elimination of low density lipoproteins.

pressão sanguínea

Estudos indicam que o consumo regular de azeite pode ajudar a diminuir a pressão arterial sistólica e diastólica.

blood pressure

Studies indicate that regular consumption of olive oil can help lower systolic and diastolic blood pressure.

diabetes

Foi demonstrado que uma dieta rica em azeite, pobre em gorduras saturadas, moderadamente rica em carbohidratos e fibras solúveis a partir de frutas, legumes, leguminosas e grãos é a abordagem mais eficaz para os diabéticos. Ajuda a reduzir as lipoproteínas de baixa densidade, melhorando o controle de açúcar no sangue e aumenta a sensibilidade à insulina.

diabetes

A diet rich in olive oil, low in saturated fat, moderately high in carbohydrates and soluble fiber from fruits, vegetables, legumes and grains has been shown to be the most effective approach for diabetics. Helps reduce low density lipoproteins by improving blood sugar control and
increases insulin sensitivity.

obesidade

Embora rico em calorias, o azeite tem demonstrado ajudar a reduzir os níveis de obesidade.

obesity

Although high in calories, olive oil has been shown to help reduce obesity levels.

artrite reumatoide

Embora as razões ainda não estejam totalmente claras, estudos recentes provaram que pessoas com dietas
contendo altos níveis de azeite têm menor probabilidade de desenvolver artrite reumatoide.

Rheumatoid arthritis

Although the reasons are still not entirely clear, recent studies have proven that people on diets
Containing high levels of olive oil are less likely to develop rheumatoid arthritis.

osteoporose

Um alto consumo de azeite parece melhorar a mineralização óssea e a calcificação. O azeite ajuda a absorção de cálcio e, portanto, desempenha um papel importante na ajuda aos pacientes e na prevenção do aparecimento da osteoporose.

osteoporosis

A high consumption of olive oil seems to improve bone mineralization and calcification. Olive oil helps the absorption of therefore plays an important role in helping patients and preventing the onset of
osteoporosis.

cancro da pele

Um estudo recente descobriu que o azeite, juntamente com outros componentes de uma dieta mediterrânica, pode contribuir para a prevenção do melanoma maligno. O tipo mais perigoso de cancro de pele pode ser retardado pelo consumo de azeite, que é rico em antioxidantes, descobriram os investigadores.
O uso de protetor solar continua a ser a melhor maneira de prevenir queimaduras solares e proteger a pele dos efeitos nocivos dos raios UVA e UVB do sol. No entanto, consumir azeite e outros alimentos básicos da dieta mediterrânica, poderão ajudar a combater o efeito oxidante do sol. Apenas três em cada 100.000 habitantes dos países do Mediterrâneo desenvolvem algum tipo de câncer de pele. O valor é baixo, especialmente quando se considera o clima quente da região. Na Austrália, o número é de 50 em cada 100.000 habitantes.

skin cancer

A recent study found that olive oil, along with other components of a Mediterranean diet, can contribute to the prevention of malignant melanoma. The most dangerous type of skin cancer may be delayed by consuming olive oil, which is rich in antioxidants, the researchers found. The use of sunscreen remains the best way to prevent sunburn and protect the skin from the harmful effects of the sun's UVA and UVB rays. However, consuming olive oil and other staples of the Mediterranean diet may help counteract the oxidizing effect of the sun. Only three out of every 100,000 inhabitants of Mediterranean countries develop any form of skin cancer. This value is low, especially when considering the warm climate of the region. In Australia, the number is 50 per 100,000 inhabitants.

O Azeite e os benefícios para a saúde emocional

olive oil and emotional health benefits

É do conhecimento geral que o azeite e a dieta mediterrânica conferem uma infinidade de
benefícios para a saúde. Mas e os benefícios para a saúde emocional?

 

depressão

De acordo com investigadores espanhóis da Universidade de Navarra e Las Palmas de Gran Canaria, uma dieta rica em azeite pode proteger contra doenças mentais. Os investigadores descobriram recentemente que uma maior ingestão de azeite e gorduras polinsaturadas encontradas em peixes gordurosos e óleos vegetais foi associada a um menor risco de depressão. Os resultados sugerem que doenças cardiovasculares e depressão podem compartilhar alguns mecanismos comuns relacionados com a dieta.

It is well known that olive oil and the Mediterranean diet confer a multitude of
health benefits. But what about the emotional health benefits?

depression

According to Spanish researchers at the University of Navarra and Las Palmas de Gran Canaria, an olive oil-rich diet can protect against mental illness. Researchers recently found that a higher intake of olive oil and polyunsaturated fats found in fatty fish and vegetable oils was associated with a lower risk of depression.
The findings suggest that cardiovascular disease and depression may share some common mechanisms.
related to diet.

Contacte-nos

contact us

Siga-nos

follow us

  • Grey Facebook Icon
Mirazeite_site_003.png

design by lemosdesign 2018